23.7 C
São Luis
domingo, 5 fevereiro, 2023
InícioBrasilPartituras apresenta terceiro e último ato da ópera Aleijadinho

Partituras apresenta terceiro e último ato da ópera Aleijadinho

Publicado em

O programa Partituras inédito que a TV Brasil leva ao ar neste domingo (11), à 0h30, apresenta a terceira e última parte da ópera Aleijadinho. Gravado pela Rede Minas, o espetáculo foi produzido pela Fundação Clóvis Salgado e exibido na emissora pública em três episódios semanais, com cada um dos atos que compõem a obra.

A ópera baseia-se em fatos da vida do mestre Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, reconhecido internacionalmente como referência do barroco mineiro. As peças feitas pelo escultor e entalhador encontram-se em diferentes cidades do estado de Minas Gerais, especialmente, em Ouro Preto e Congonhas.

Composta por Ernani Aguiar, com libreto escrito por André Cardoso, o concerto tem regência de Silvio Viegas e direção cênica de Julianna Santos. A montagem conta com as participações da Orquestra Sinfônica e do Coral Lírico de Minas Gerais, da Cia. de Dança Palácio das Artes e dos solistas convidados Johnny França (Aleijadinho); Mar Oliveira (Manuel Francisco); Guilherme Moreira (Tomás Antônio Gonzaga); Pedro Vianna (Alvarenga Peixoto); Lício Bruno (Lobo de Mesquita); Luanda Siqueira (Joana); e Mauro Chantal (Vicente Ferreira).

O programa Partituras inédito que a TV Brasil leva ao ar neste domingo (11), à 0h30, apresenta a terceira e última parte da ópera
O programa Partituras inédito que a TV Brasil leva ao ar neste domingo (11), à 0h30, apresenta a terceira e última parte da ópera

O programa Partituras inédito que a TV Brasil leva ao ar neste domingo (11), à 0h30, apresenta a terceira e última parte da ópera Aleijadinho, gravada pela Rede Minas – Divulgação/Rede Minas

Neste terceiro e último ato, os intérpretes encenam momentos de Aleijadinho em 1805 e, depois, em 1814, até as últimas horas de vida do mestre. Em seu monólogo derradeiro, Aleijadinho vê nos profetas seus amigos inconfidentes. O coro canta trechos de A uma despedida, Lira IX da Parte III de Marília de Dirceu, poesia de Tomás Antônio Gonzaga, de A lástima, poesia de Alvarenga Peixoto, e Libertas Quæ Sera, texto da bandeira dos inconfidentes.

Sobre o Partituras

Lançado pela TV Brasil em 9 de março de 2014, o programa busca democratizar o acesso à chamada grande música com espetáculos semanais de 52 minutos na televisão aberta.

Além das apresentações, o Partituras ainda traz o depoimento dos artistas convidados. A ideia é aprofundar e enriquecer a experiência do telespectador que pode conhecer a trajetória dos músicos e descobrir aspectos interessantes sobre as obras executadas.

Para a nona temporada, a atração reúne concertos especiais em homenagem a compositores consagrados que são referência na música erudita. A produção ainda mescla espetáculos em grandes palcos com recitais para pequenas formações ou mesmo executados por solistas Os episódios também contam com performances de novos talentos da arte nacional e músicos brasileiros de orquestras renomadas.

As apresentações exibidas pela emissora pública na telinha podem ser conferidas semanalmente nas redes sociais do canal e no aplicativo TV Brasil Play, disponível nas versões Android e iOS, e também por meio da internet. O Partituras ainda tem uma versão radiofônica que vai ao ar pela Rádio MEC.
 

Fonte: Agência Brasil

Comentários

Últimas notícias

Você pode gostar